RAMIFICATION AND DISTRIBUTION OF THE MEDIAN NERVE IN WILD BOARS (Sus sus scrofa) / Ramificação e distribuição do nervo mediano de Javalis (Sus sus scrofa).

B. G. VASCONCELOS, L. P. IGLESIAS, A. G. O. HONORATO, A. C. SANTOS, M. A. MIGLINO, F. O. C. SILVA

Abstract


O presente trabalho estudou, por meio de dissecações, a ramificação e distribuição do nervo mediano no braço e antebraço em 17 javalis (Sus sus scrofa), machos ou fêmeas. As peças foram fixadas em solução aquosa de formaldeído a 10%, tendo como intervalo mínimo para a dissecação o período de 24h. O nervo mediano supriu, mais frequentemente, em todos os espécimes, os músculos flexor radial do carpo (quatro ramos), flexor superficial dos dedos (quatro ramos) e as cabeças umerais do flexor profundo dos dedos (cinco ramos), e, em 88,24% dos exemplares, supriu o músculo pronador redondo (dois ramos). Não houve diferenças estatísticas significativas, quando comparados os resultados encontrados nos antímeros direito e esquerdo.

 

 

SUMMARY

 

This work investigates, by dissection, the branching and distribution of the median nerve in limbs and forelimbs of 17 male and female wild boars (Sus sus scrofa). The studied parts were fixed in 10% formaldehyde aqueous solution, with a minimum 24-hour interval for the dissection. In all animals, the median nerve branched into the muscles: flexor carpi radialis (four branches), flexor digitorum superficialis (four branches) and the humeral heads of the flexor digitorum profundus (five branches), and in 88.24% of the animals it branched also into the pronator teres muscle (two branches). The average number of branches into the right and left antimeres was not significantly different.

 

 




DOI: http://dx.doi.org/10.15361/2175-0106.2012v28n2p118-121