CONSCIENTIZAÇÃO E IMUNIZAÇÃO ANTIRRÁBICA DOS ALUNOS INGRESSANTES EM 2013 NO CURSO DE MEDICINA VETERINÁRIA NA UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS (UFG), CAMPUS JATAÍ / ANTI-RABIES IMMUNIZATION OF STUDENTS ENTERING THE MEDICINE VETERINARY COURSE OF THE ...

M. M. ANDRASCHKO, H. C. M. PIRES, E. D. F. CAMILO, D. A. AZEVEDO, D. B. SOUSA, R. B. MEIRELLES-BARTOLI

Resumo


A profilaxia pré-exposição da raiva deve ser indicada para pessoas com risco de exposição permanente ao vírus rábico. São três doses, nos dias 0, 7 e 28, e controle sorológico a partir do 14º dia após a última dose. Uma dose reforço deve ser aplicada se o título for menor que 0,5 UI/mL, repetindo-se a avaliação sorológica. O processo educativo tem como ferramentas básicas a participação da sociedade e a comunicação social, devendo ser necessariamente envolvidos os serviços interinstitucionais, intersetoriais e multidisciplinares. O presente trabalho objetivou conscientizar os novos alunos do curso de Medicina Veterinária da UFG, Campus Jataí, sobre a importância desta zoonose, tanto no caráter profissional quanto em saúde pública, e garantir que a profilaxia pré-exposição fosse feita já no início do curso protegendo-os para as aulas práticas e estágios. No dia da matrícula foi entregue aos 60 ingressantes um material educativo contendo informações gerais sobre a importância da raiva e sua profilaxia. Também foi agendada uma consulta médica para cada aluno na Unidade Básica de Saúde Central, devido a necessidade de prescrição médica para aplicação desta vacina. Durante a execução destas ações, foi possível notar que existe certo desconhecimento sobre a importância de que profissionais que atuam diretamente com animais tenham que se vacinar contra a raiva. O esquema vacinal foi realizado em 100% dos ingressantes. Sendo que, 83,4% (50/60) compareceram em suas consultas agendadas para o recebimento da 1ª dose vacinal, e 16,6% (10/60) tiveram que ser reagendados para outra data. Após contato por telefone, a principal justificativa da falta foi o esquecimento. A conscientização sobre zoonoses do Médico Veterinário deve começar no início da formação acadêmica, assim como a imunização. Portanto a instituição de um programa educativo desde o início da graduação é de extrema relevância para proteção da saúde ao longo da carreira profissional.

 

SUMMARY

 

The pre-exposure prophylaxis of rabies should be given to people at risk of permanent exposure to rabies virus. Three doses are needed on days 0, 7 and 28 and serological control from the 14th day after the last dose. A booster dose should be applied if titer is less than 0.5 IU/mL, repeating the serological evaluation afterwards. The basic tool of the educational process is the participation of the society and media, which must necessarily involve institutional, intersectoral and multidisciplinary services. This study aimed to educate new students of Veterinary in the UFG, Campus Jataí, about the importance of this zoonosis both professionally and as public health matter, as well as to ensure that pre-exposure prophylaxis was performed early in the course protecting the students in the practical classes and internships. On the day of enrollment, the 60 enrolling students were given educational material containing general information about the importance of rabies and its prevention. An appointment for each student was also scheduled at the Health Center since a prescription is needed for the application of this vaccine. All along, it was noticeable that there is some misunderstanding about how important it is for professionals who work directly with animals to be vaccinated against rabies. Vaccination was carried out in 100% of the students and, while 83.4% (50/60) attended their first scheduled appointments to receive the 1st dose of the vaccine, 16.6% (10/60) did not show up and had to be rescheduled for another date. When contacted by phone, the main reason was they had forgotten the appointment. For the veterinarian, the awareness about zoonoses should start early in the academic life, as well as immunization. Therefore, establishing an educational program from the beginning of the course is very important to protect the professionals’ health throughout their career.


Texto completo:

PDF - RESUMO PDF - SUMMARY


DOI: http://dx.doi.org/10.15361/2175-0106.2013v29n4p105