SURTO DE TRIPANOSSOMOSE BOVINA DESENCADEADO APÓS MANEJO INADEQUADO DURANTE APLICAÇÃO DE MEDICAMENTO ENDOVENOSO / OUTBREAK OF BOVINE TRYPANOSOMIASIS UNLEASHED AFTER IMPROPER APPLICATION OF INTRAVENOUS MEDICINE

T. S. A BASTOS, G. F. C. LINHARES, T. M. S. FREITAS, L. A. F. SILVA, P. H. J. CUNHA

Resumo


O surto ocorreu em uma propriedade rural altamente tecnificada próxima ao Município de Barra do Garças-MT. O problema surgiu após aquisição de 200 fêmeas bovinas de raça Holandesa e Girolando, provenientes de Goiás, Mato Grosso e Minas Gerais. Entre os 80 animais em lactação sob manejo intensivo, com ordenha mecânica duas vezes ao dia, cerca de 45 manifestaram incoordenação motora, mucosas pálidas, anorexia, mastite persistente, queda da produção, agalaxia,  emagrecimento progressivo, aborto, retenção de placenta e óbito de 19 animais (em menos de 30 dias). No primeiro momento, com um diagnóstico de tristeza parasitária, o proprietário medicou os animais doentes com imidocarb, oxitetraciclina e Flunixin meglumina. Entretanto, o problema persistiu. Para tentar solucionar o problema, o apoio da ESCOLA DE VETERINÁRIA da UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS foi solicitado. Na propriedade, foram confeccionados esfregaços sanguíneos de 12 animais doentes. A presença de tripanossomatídeos foi detectada em três animais. Durante a anamnese, constatou que a presença de tabanídeos naquela região não era frequente e o problema era mais comum  em animais com até 20 dias de pós-parto. Ainda foi detectado que a partir do décimo dia do pós-parto, diariamente, as fêmeas recebiam 5 UI de ocitocina antes da ordenha, para auxiliar na descida do leite. A aplicação era feita na veia epigástrica cranial superficial, empregando a mesma agulha e seringa para todos os animais. Os primeiros sinais da enfermidade surgiam entre cinco e dez dias após realização desse procedimento. A partir destas observações, ênfase maior foi dada ao tipo de transmissão iatrogênica observada neste surto da enfermidade. Portanto, as recomendações transmitidas ao produtor objetivavam tratar os animais e corrigir este manejo, que foi associado à causa da disseminação continua do agente entre os animais, o que resultou no insucesso da primeira tentativa de controle, que contemplava com a aplicação de droga tripanossomicida.

 

SUMMARY

 

The outbreak occurred on a farm that uses high technology, in the rural area of Barra do Herons, MT. The problem appeared after the purchase of 200 Holstein and Gir cows, from Goiás, Mato Grosso and Minas Gerais. Among the 80 lactating animals under intensive management that were milked twice a day, about 45 displayed lack of coordination signs, pale mucous membranes, anorexia, persistent mastitis, falling production, agalactia, progressive weight loss, abortion, retained placenta and death of 19 animals (in less than 30 days). At first, tick fever was diagnosed, and the owner treated the sick animals with imidocarb, oxytetracycline and Flunixin meglumine. However, the problem persisted. To try to solve the problem, the support of the College of Veterinary of the Universidade Federal de Goiás was requested. Blood smears from 12 sick animals were prepared at the farm. The presence of trypanosomes was detected in three animals. During the interview, it was reported that the presence of horseflies in that region was not frequent and the problem was more common in animals up to 20 days postpartum. It was also reported that from the tenth day postpartum, the cows received daily 5 IU of oxytocin before milking, to assist in milk let-down, which was injected ​​on the cranial superficial epigastric vein, using the same needle and syringe in all animals. The first signs of the disease appeared between five and ten days after performing this procedure. From these observations, emphasis was given to the type of iatrogenic disease transmission observed in this outbreak. Therefore, the recommendations transmitted to the producer aimed at treating the animals and correcting the management, which had been associated with the continuous spreading of the disease agent among the cows and resulted in failure of the first attempt to control the disease using trypanocidal drugs.


Texto completo:

PDF - RESUMO PDF - SUMMARY


DOI: http://dx.doi.org/10.15361/2175-0106.2013v29n4p63