NOTIFICAÇÕES DE CASOS DE DENGUE NA CIDADE DE BOTUCATU/SP NO ANO DE 2012 / DENGUE NOTIFICATIONS IN BOTUCATU, SP, IN 2012

S. D. BABBONI, A. C. P. LIMONI, V. M. C. SILVA, D. B. SILVA, C. K. C. CÉZAR

Resumo


O controle da dengue é um dos principais problemas de saúde pública no mundo. A Organização Mundial de Saúde estima que entre 50 e 100 milhões de pessoas se infectem anualmente, em mais de 100 países de todos os continentes, exceto na Europa. Segundo dados mundiais do Ministério da Saúde, cerca de 550 mil doentes necessitam de hospitalização e 20 mil morrem em conseqüência da dengue. Em nosso país, as condições socioambientais favoráveis à expansão do Aedes aegypti possibilitaram a dispersão do vetor desde sua reintrodução, em 1976. Em São Paulo a presença do vetor foi detectada em 1985 e, até meados de 1995, 595 municípios paulistas encontravam-se infestados por esse vetor. Segundo a classificação estadual das áreas de vulnerabilidade para ocorrência de dengue por município, Botucatu/SP foi classificado como área de alta vulnerabilidade (CVE, 2012). Este trabalho teve como objetivo avaliar o comportamento dos casos de dengue no Município de Botucatu/SP no ano de 2012, por meio de dados coletados na Vigilância Ambiental em Saúde do Município. Durante o período avaliado, foram realizadas 114 notificações de casos de dengue e dos casos notificados: 109 eram negativos e 5 positivos, sendo todos importados. O Município de Botucatu/SP tem demonstrado ser atuante frente à comunidade, quando o tema em questão são as medidas de prevenção. Porém, estudos futuros seriam necessários para demonstrar tanto a eficiência como a eficácia desta atuação. Conclui-se também que a forma mais eficiente de combater esse grave problema de saúde pública, é a prevenção e a conscientização da população.

 

SUMMARY

Dengue control is a major public health problem worldwide. The World Health Organization estimates that between 50 and 100 million people are infected annually, in more than 100 countries on all continents, except Europe. According to world data from the Health Department, about 550,000 patients require hospitalization and 20,000 die as a result of dengue. In our country, the social and environmental conditions, favorable to the spread of Aedes aegypti, enabled the spreading of the vector since its reintroduction in 1976. In São Paulo, the presence of the vector was detected in 1985 and by mid-1995, 595 counties were infested by this vector. According to the state classification regarding vulnerability for the occurrence of dengue, Botucatu was classified as an area of high vulnerability (CVE, 2012). This study evaluates the behavior of dengue cases in Botucatu, in 2012, using data collected from the Vigilância Ambiental em Saúde of the city. During the period, there were 114 notifications of dengue cases and from the reported cases, 109 were negative and 5 positive, and the positives came from outside the city. Botucatu has played an important role in the community regarding preventive measures. However, future studies are needed to demonstrate both the efficiency and the effectiveness of this action. It was also concluded that the most efficient way to combat this serious public health problem, is prevention and awareness.


Texto completo:

PDF - RESUMO PDF - SUMMARY


DOI: http://dx.doi.org/10.15361/2175-0106.2013v29n4p111