POSSE RESPONSÁVEL DE CÃES NO BAIRRO BUENOS AIRES NA CIDADE DE TERESINA (PI)

F. A. N. SILVA, R. L. CARVALHO, R. P. KLEIN, A. M. QUESSADA

Abstract


O presente trabalho teve como objetivo levantar algumas informações sobre a relação dos proprietários de cães com os seus animais, como também diagnosticar se no bairro Buenos Aires, Teresina (PI), os proprietários de cães praticam posse responsável. Foram realizadas 77 entrevistas. Observou-se que neste bairro, a maioria das pessoas nunca levou ocão ao médico veterinário (75,3%) e não castraria o seu animal (65,0%). Em 67,5% dos casos, o cão foi adotado porquefoi um presente de alguém. Registrou-se que somente 7,8% das pessoas adquiriram o cão por decisão própria. Noentanto, a maioria afirmou que o afeto foi importante na decisão de permanecer com o cão(79,2%), cuja finalidade decriação mais significativa foi companhia (68,8%). Concluiu-se que a maioria das pessoas do bairro cria cão por razõesafetivas, mas ainda não pratica a posse responsável. Desta forma, não só neste bairro como em Teresina há necessidadede campanhas regulares para divulgar a posse responsável, na tentativa de minimizar o abandono de animais o qual é um problema de saúde pública.

PALAVRAS-CHAVE: Abandono. Canino. Consulta veterinária. Proprietário.




DOI: http://dx.doi.org/10.15361/2175-0106.2009v25n1p014-017