PREVALENCE OF BOVINE BRUCELLOSIS AMONG MILK SUPPLIERS OF A DAIRY INDUSTRY IN ITIRAPUÃ, SÃO PAULO, BRAZIL / Prevalência de brucelose bovina entre rebanhos fornecedores de leite de um laticínio em Itirapuã, Estado de São Paulo.

M. A. B. MEDEIROS, I. A. NASCIF JUNIOR, L. A. MATHIAS

Abstract


O estudo teve por objetivo determinar a prevalência da brucelose bovina entre fornecedores de leite de um laticínio situado no Município de Itirapuã, Estado de São Paulo, e analisar fatores de risco eventualmente associados à ocorrência de brucelose nos rebanhos estudados. De uma população de 942 bovinos adultos distribuídos em 55 rebanhos, situados nos municípios de Itirapuã e de Patrocínio Paulista, foi obtida uma amostra voluntária composta por 813 animais, distribuídos em 37 rebanhos cujos proprietários aceitaram participar do estudo. Foi aplicado um questionário, para a obtenção de informações sobre fatores que pudessem estar associados às taxas de prevalência. Foram colhidas amostras de soro sanguíneo de todos os animais, as quais foram submetidas ao teste do antígeno acidificado tamponado (AAT), e as amostras positivas nesse teste foram submetidas à reação de fixação de complemento (RFC). Das 813 amostras de soro sanguíneo colhidas, 26 (3,2%) resultaram positivas na aplicação em série dos testes de triagem (AAT) e confirmatório (RFC), e das 37 propriedades estudadas, 12 (32,4%) apresentaram pelo menos um animal positivo. Os fatores que se mostraram associados à ocorrência de brucelose foram número de animais no rebanho, não utilização da vacina B19 e compra frequente de animais.

 

SUMMARY

 

The aim of this study was to verify the prevalence of bovine brucellosis among milk suppliers of a dairy industry located in Itirapuã, São Paulo, Brazil, and to analyze the risk factors eventually associated with the occurrence of brucellosis among the herds involved in the study A voluntary sample of 813 animals from 37 herds whose owners agreed to participate in the study was obtained among a population of 942 adult cattle from 55 herds located in the municipalities of Itirapuã and Patrocínio Paulista. A questionnaire about risk factors that could be associated with the prevalence rates was applied. Serum samples from all 813 animals were collected and tested by the rose Bengal plate test (RBPT); positive samples were then tested by the complement fixation test (CFT). Of the 813 serum samples, 26 (3.2%) tested positive in the serial application of RBPT and CFT, and of the 37 herds, 12 (32.4%) had at least one positive animal. Factors that showed association with the prevalence rate were number of animals in the herd, lack of vaccination with strain B19 and frequent introduction of animals.

 

 




DOI: http://dx.doi.org/10.15361/2175-0106.2011v27n3p152-160